548 online
Maria Antonieta Matos Ver Perfil
Nasceu a 09 Janeiro 1949
(Evora)

MARIA ANTONIETA MATOS, nasceu em 1949 em Terena, Concelho de Alandroal e reside em Évora, Alentejo, Portugal Aposentada da Função Pública Editou o livro “ Visita à Aldeia da Terra” através de Edições Poejo, baseado e inspirado na Aldeia de esculturas em barro e cimento, sita em Arraiolos, livro de quadras e fotografias personalizadas na atividade e profissões da aldeia, apoiada pela junta de freguesia de Arraiolos. Fez apresentação do livro em escolas e Bibliotecas Municipais para crianças do jardim-de-infância, escola básica e séniores. Colabora em vários grupos de poesia e blogs. Participação em Coletâneas: “Poetizar Monsaraz - Vol I” “Poetizar Monsaraz Vol II” “Nós Poetas Editamos V” “Nós Poetas Editamos VI” “Sentir D’um Poeta” “Eternamente Poeta” “Poesia sem Gavetas Parte III” “Poemário 2015” “Conto de Poetas Parte III” “Amor Eterno” "Poemário 2016" "Apenas Saudade" " Fusão de Sentires" "Poemário 2017" "Mais Mulher"
 
TÃO PERTO E TÃO LONGE
Tão longe que vejo, sem ver,
Atinando no meu sentir,
Que às vezes me leva a querer,
Que o sentido está a ouvir.

Tão perto parece tão longe,
Quando reina a indiferença,
Que nem o isolado monge,
Nutre tamanha diferença.

Tanta gente que existindo,
Não existe… desmoralizada,
Por alguém que está partindo!

Tanta criança sem ter nada,
Entregue ao próprio destino,
Com a vida amedrontada!

Maria Antonieta Matos 24/09/2016

Seguinte
Clique se gosta
Guardar nos seus Favoritos
1 comentários
Rating
1
Visto
37