Elizabeth Bishop
Elizabeth Bishop foi uma autora americana, considerada um das mais importantes poetisas do século XX a escrever na língua inglesa.
Nasceu a 08 Fevereiro 1911 (Worcester, Massachusetts, EUA)
Morreu em 06 Outubro 1979 (Boston, Massachusetts, EUA)
Comentários
Elizabeth Bishop foi uma poeta norte-americana, nascida em  Worcester, no estado de Massachusetts, a 8 de fevereiro de 1911. Publicou poucos livros: North & South (1946), A Cold Spring (1955) — pelo qual recebeu o Pulitzer, Questions of Travel (1965) e Geography III (1976). Sua poesia foi reunida pela primeira vez em 1969, com seus Complete Poems. Detalhes de sua vida são razoavelmente bem conhecidos no Brasil, e sua obra ainda circula. Recentemente, com o volume Poemas Escolhidos de Elizabeth Bishop, com seleção, tradução e introdução de Paulo Henriques Britto.
 
 Suas Cartas também foram traduzidas pelo poeta brasileiro e publicadas pela mesma Companhia das Letras, assim como Elizabeth Bishop: Poemas do Brasil (1999) e Elizabeth Bishop: O Iceberg Imaginário e Outros Poemas (2001). Bishop viveu e escreveu grande parte de sua vida-obra no Brasil, país ao qual dedicou poemas inesquecíveis como "Arrival at Santos" e "The Pink Dog", e onde traduziu para o inglês poetas brasileiros como Carlos Drummond de Andrade, Cecília Meireles, João Cabral de Melo Neto e Joaquim Cardozo. Essas traduções foram reunidas mais tarde no volume An Anthology of Twentieth-Century Brazilian Poetry, com organização de Bishop e de Emanuel Brasil, reeditado recentemente nos Estados Unidos.
 
Viveu por muitos anos com a paisagista e urbanista brasileira Lota de Macedo Soares (1910 - 1967), primeiramente no Rio de Janeiro e mais tarde em Petrópolis. Após um tempo em Ouro Preto, Elizabeth Bishop retornou aos Estados Unidos, onde faleceu a 6 de outubro de 1979.
 
Não vamos nos deter em alguns dos detalhes biográficas da autora, já muito conhecidos, e alguns  deles trágicos, como a que envolve a morte de Lota Macedo. Queremos recomendar a nossos leitores que aproveitem esta rara presença frequente de um poeta estrangeiro entre nós, graças ao trabalho tradutório impecável de Paulo Henriques Britto. Elizabeth Bishop foi uma mestra, usando a acepção de Ezra Pound, como Manuel Bandeira entre nós.
 
--- Ricardo Domeneck