Junqueira Freire

Junqueira Freire
Luís José Junqueira Freire foi um poeta brasileiro. Sua obra lírica divide-se em religiosa, amorosa, filosófica, popular e alguma poesia social, de tom declamatório, precursora de Castro Alves. Participou da segunda geração romântica.
Romantismo
Nasceu a 31 Dezembro 1832 (Salvador, Bahia, Brasil)
Morreu em 24 Junho 1855 (Salvador, Bahia, Brasil)
Comentários
Junqueira Freire (Salvador BA 1832 - idem 1855) entrou para o Mosteiro de São Bento da Bahia, da Ordem Beneditina, em 1851, passando a se chamar Frei Luís de Santa Escolástica Junqueira Freire após a ordenação. Em 1854 afastou-se do monastério, permanecendo sacerdote. No ano seguinte publicou Inspirações do Claustro, seu primeiro livro de poesia, em Salvador BA. Em 1869 ocorreu a publicação póstuma do livro Elementos de Retórica Nacional, no Rio de Janeiro RJ. A poesia de Junqueira Freire pertence à segunda geração do Romantismo, e foi escrita no Monastério; seus versos projetam a angústia e as dúvidas sobre a vocação monástica que o autor sentiu enquanto lá esteve. Para o crítico Antonio Candido, o poeta "desejou confessar-se através do verso, desvendando ao leitor uma sensibilidade tumultuosa e um doloroso drama íntimo quase em estado bruto - propósito incompatível com a poética por ele adotada".