106 online
Clara
Escura
Português
Español
English

Al Berto

Al Berto
Nasceu a 11 Janeiro 1948
(Coimbra, Portugal)
Morreu em 13 Junho 1997
(Lisboa)
Al Berto, pseudónimo de Alberto Raposo Pidwell Tavares, foi um poeta, pintor, editor e animador cultural português.
159599 visualizações
304 1 4
Título Livro Tipo
Recado72753020Poema
Acordar tarde65631200Poema
Quando aqui não estás6414800Poema
eras novo ainda5476300Poema
Eremitério5108510Poema
Truque Inoxidável4960200Poema
Lisboa5525500Poema
Horto4952300Poema
Uma Paixão6819800Poema
Trabalhos do Olhar6452710Poema
hoje é dia de coisas simples6275700Poema
Prefácio para um livro de poemas9979900Poema
Ofício de Amar6265910Poema
Tentativas para um Regresso à Terra5189000Poema
Retrato de um Amigo Enquanto Bebe4942100Poema
O Pequeno Demiurgo4636100Poema
Envolver-me5940510Poema
Framentos de um Diário4905200Poema
Salsugem4900411Poema
Amor dos Fogos5453200Poema
Retrato de Fugitivo4960000Poema
Os Amigos60521000Poema
Vigílias5075000Poema
Resposta à Emile4769100Poema
Clamor5255300Poema
Truque do Meu Amigo da Rua5489300Poema
Sem Título e Bastante Breve6614800Poema
Truque Tóxico64231000Poema
Dizem que a paixão o conheceu119402820Poema
E ao anoitecer1391630110Poema
Há-de flutuar uma cidade117343441Poema
As mãos pressentem74101311Poema
Noite de lisboa com auto-retrato e sombra de ian curtis6317500Poema
Encomenda Postal5446300Poema
Falso Retrato de Andy Warhol5335401Poema
Pernoitas em Mim83931311Poema
Postscriptum68591121Poema
A escrita é a minha primeira morada de silêncio4751310Poema
Os dias sem ninguém19000Poema
Corpo10000Poema
Foram Breves e Medonhas as Noites de Amor9200Poema
Visita-me Enquanto não Envelheço6000Poema
Cromo4000Poema
Se um Dia a Juventude Voltasse5000Poema
Mais Nada se Move em Cima do Papel4000Poema
Rumor dos Fogos4000Poema
A Invisibilidade de Deus7000Poema
A paisagem prolonga-se10000Poema
Notas para o diário8100Poema
Incêndio14110Poema
É tarde, meu amor9000Poema
7 a noite chega-me6000Poema
chegaram as máquinas7100Poema
percorro todo7000Poema
quando te escavaram o ventre5000Poema
sabes, as aves14000Poema
escuto o lamento5000Poema
a noite chega-me9000Poema
é no silêncio16100Poema
Sabes por vezes queria beijar-te10000Poema
Senhor da Asma7000Poema
LÁPIDE, DE «CARTA DA ÁRVORE TRISTE»15000Poema