103 online
Clara
Escura
Português
Español
English

Eugénio de Andrade

Eugénio de Andrade
Nasceu a 19 Janeiro 1923
(Fundão, Portugal)
Morreu em 13 Junho 2005
(Porto)
Eugénio de Andrade, pseudónimo de José Fontinhas foi um poeta português.
454732 visualizações
 
Título visualizações Gosto Favorito Coments Livro Tipo
É urgente o amor370692122811Poema
Passamos pelas coisas sem as ver16695122162Poema
Adeus64407551Poema
Entre os teus lábios129396791Poema
Foi para ti que criei as rosas117435350Poema
Poema à mãe67305030Poema
Devias estar aqui rente aos meus lábios1238045190Poema
Sê tu a palavra111044251Poema
Ainda sabemos cantar91503720Poema
Havia uma palavra103223600Poema
Hoje roubei todas as rosas dos jardins1161035110Poema
O Silêncio109343433Poema
Sê paciente; espera111363371Poema
Levar-te à boca97093240Poema
A boca95913230Poema
Húmido de beijos e de lágrimas93923151Poema
Procura a maravilha102893031Poema
Música, levai-me94452800Poema
As palavras60482820Poema
Amor66942720Poema
Diz homem, diz criança, diz estrela95772500Poema
Eram de longe82482520Poema
De palavra em palavra97192331Poema
Algumas Reflexões Sobre a Mulher84422311Poema
O Sorriso70122311Poema
Nunca o verão se demorara80891910Poema
Última Canção66991900Poema
É na escura folhagem do sono81851800Poema
Colhe todo o oiro79771700Poema
Urgentemente52751700Poema
Os amantes sem dinheiro45301410Poema
O Pequeno Sismo57271300Poema
Frente a frente48111330Poema
Rosa do Mundo67711200Poema
In Memorian53451200Poema
O Inominável69351100Poema
Sobre a Terra59861100Poema
À breve, azul cantilena77901030Poema
Ao Miguel, no seu 4º Aniversário, e contra o nuclear, naturalmente5477900Poema
Como se houvesse uma tempestade4989800Poema
A raiz do linho7428700Poema
As maças6278700Poema
Os Pêssegos6012700Poema
O amigo5273700Poema
As mãos5081710Poema
Rotina4853700Poema
As amoras4516700Poema
Poema XVIII4134700Poema
Não sei5334610Poema
Quase nada5281500Poema
Ó noite, porque hás-de vir sempre molhada!4345510Poema
Nas ervas4344500Poema
Lisboa4333500Poema
Que diremos ainda?4824400Poema
A Sílaba4382410Poema
Lettera amorosa4382400Poema
Casa na chuva4350400Poema
Pequena elegia de setembro4284400Poema
Oiço correr a noite pelos sulcos4150400Poema
Surdo, Subterrâneo Rio3795400Poema
Mulheres de preto4512300Poema
Três ou quatro sílabas4394300Poema
Há dias5379200Poema
O muro é branco4132200Poema
Cristalizações4106200Poema
Shelley sem anjos e sem pureza,4064200Poema
Deixa a mão4703100Poema
Ignoro o que seja a flor da água4194100Poema
Desde a aurora4250000Poema
Ser jovem não é fácil.489000Citação
Foi sempre pelos olhos dos419000Citação
Sei que o poema é403000Citação
Sou solitário por natureza. No401000Citação
O silêncio é a minha391000Citação
Não há caminhos fáceis para353000Citação
O mal é a ausência352000Citação
As palavras são a nossa343000Citação
Nenhuma relação profunda é fácil.335000Citação
Só através do corpo nos332000Citação
Eu nem sequer gosto de325000Citação
Que relação pode existir entre320000Citação
O mundo é conduzido por317000Citação
A solidão não é forçosamente311000Citação
A música que me sai308000Citação
A poesia não faz falta306000Citação
Quando se é muito jovem305000Citação
Ser poeta também é isso,301000Citação
Não há arte sem tradição,296000Citação
É possível que a poesia284000Citação
A independência tem um preço,273000Citação
A poesia é o inferno;269000Citação
Uma palavra é como a264000Citação
É possível que só as263000Citação
A arte da poesia requer262000Citação
Caridade é uma palavra de260000Citação
O poeta é incapaz de260000Citação
Em toda a obra de258000Citação
Todas as casas onde há256000Citação
A infância, no poeta, jamais254000Citação
A juventude não precisa de253000Citação
A sabedoria do poeta é249000Citação
É raro que os poetas247000Citação
É na nossa poesia que247000Citação
Nem sempre os livros de243000Citação
O processo de criação não243000Citação
Nenhum poeta autêntico (e a235000Citação
O sucesso de uma obra228000Citação