590 online
Clara
Escura
Português
Español
English

Sirlânio Jorge Dias Gomes (R)

Sirlânio Jorge Dias Gomes (R)
Ver Perfil - sirlanio2017
Nasceu a 14 Abril 1972
(Minas Gerais)
Abre a mente ao que eu te revelo e retém bem o que eu te digo, pois não é ciência ouvir sem reter o que se escuta.(Dante Alighieri) Um homem apaixonado por poesia. Tento traduzir os pensamentos na fidelidade que estes me concebem.Não tenho a pretensão de ser poeta,e se por acaso as palavras me metamorfosear em algo parecido,não me culpe;apenas me perdoe.(Sirlânio Jorge Dias Gomes)
85274 visualizações
17 2 2
 

Lucano e rúbria


Casto amor de face encantadas, 
Corramos pelos campos da inocência, 
Entre rubores pueris, 
Fartos aos deleites enamorados da pureza. 
É teu o meu olhar, 
Mirando o doce pulsar da juventude, 
Meu coração tomastes, 
Revelando a eternidade imutável. 
A nossa candura desabrocha de amores, 
Flores virginais a perfumar o infinito. 
Teu hálito é refrescante como a romã, 
Teus lábios vertem mel, 
Adoçando minh'alma extasiada. 
Os dias são como diamantes, 
Perfeito tesouro de nossa alegria, 
As noites são longas, 
A esperar-te que me sigas. 
A morte não nos separará, 
Teu espírito estará em mim, 
Doce lembrança de tua ternura. 
Quando o elísio te tocar, 
Seguirei adiante bravamente; 
Sob as infinitudes de minha humanidade. 
A tua cruz guardarei, 
Descobrirei o véu da ignorância; 
Revelando o Deus desconhecido. 
A sua luz brilha em mim, 
No profundo amor que me cativaste. 



Inspirado no romance Médico de Homens e de Almas TAYLOR CALDWELL