107 online
Clara
Escura
Português
Español
English

Sirlânio Jorge Dias Gomes (R)

Sirlânio Jorge Dias Gomes (R)
Ver Perfil - sirlanio2017
Nasceu a 14 Abril 1972
(Minas Gerais)
Abre a mente ao que eu te revelo e retém bem o que eu te digo, pois não é ciência ouvir sem reter o que se escuta.(Dante Alighieri) Um homem apaixonado por poesia. Tento traduzir os pensamentos na fidelidade que estes me concebem.Não tenho a pretensão de ser poeta,e se por acaso as palavras me metamorfosear em algo parecido,não me culpe;apenas me perdoe.(Sirlânio Jorge Dias Gomes)
85517 visualizações
17 2 2
 

Matizes


Fusão em teu corpo,
Contíguo pecado nativo,
Odorífera Tentação em idílios,
Irmana-me em seus suspiros,
Tonalidade em semitons,
Música dos teu gemidos.
Abra-se como uma flor,
E deixe que eu seja o vento,
Que te faz bailar livremente,
E perceber esta suavidade,
Álibi de minha procura,
Transição de almas.
Envolva-me em teu olhar,
Sereno igual a luz da lua,
Que toda nua,
Te reflete em meus laços,
Genuíno flertar de nossa caça.
Canto em torno de ti,
E danço em tua paixão,
Que também sendo minha,
Me devora insandecida.
Teus toques me atavia,
Enflorando meu querer enobrecido,
Sou príncipe em teu castelo,
Este manacial de devotado apego.