587 online
Clara
Escura
Português
Español
English

Sirlânio Jorge Dias Gomes (R)

Sirlânio Jorge Dias Gomes (R)
Ver Perfil - sirlanio2017
Nasceu a 14 Abril 1972
(Minas Gerais)
Abre a mente ao que eu te revelo e retém bem o que eu te digo, pois não é ciência ouvir sem reter o que se escuta.(Dante Alighieri) Um homem apaixonado por poesia. Tento traduzir os pensamentos na fidelidade que estes me concebem.Não tenho a pretensão de ser poeta,e se por acaso as palavras me metamorfosear em algo parecido,não me culpe;apenas me perdoe.(Sirlânio Jorge Dias Gomes)
85277 visualizações
17 2 2
 

Confluência


O infinito dos sonhos, 
No seio do seu amor, 
São coisas que levarei comigo, 
Emoções, desapego, 
Nosso tempo, 
Construindo passos, 
Para além da distância, 
Nos subúrbios do tempo, 
Aprendendo com as estrelas. 
Teu corpo pedindo os meus beijos, 
Sou poema, 
Eu amo te amar, 
Teu amor traduz, 
A força dos meus sonhos, 
Acorda e vem me amar, 
Na madrugada, 
Na noite fria, 
Sussurros ao ouvido, 
O som do amor, 
Luz para os meus pés. 
Anjo azul, 
É preciso coragem, 
Para sair do rascunho, 
Obras do poeta, 
Na toada dos silêncios, 
Polissemia amorosa, 
Tua poesia em mim, 
Um mesmo sentir, 
Encontro, fantasia, 
Esperança, catarse, 
Inspiração adormecida. 
Quando o coração, 
A folha em branco, 
Ensina-me a viver, 
O olhar dela é quem diz, 
As frases, provocam, 
O poeta que não finge, 
Que cavalga buscando a paz, 
Inspirando-se na menina, 
Que amava o mar e chorou, 
Lindo murmúrio de Deus.