Ruy BeloRuy Belo
Rui de Moura Belo foi um poeta e ensaísta português.
Nasceu a 27 Fevereiro 1933 (Rio Maior, Portugal)
Morreu em 08 Agosto 1978 (Queluz)
Comentários

A laranjeira

De novo a laranjeira - olhai! - traz ante nós os frutos,
quais lágrimas vertidas
nos atormenta do amor
e de vermelho coloridas
Nos ramos de topázio
vede como as rútilas esferas
em ágata moldadas ficam expostas às suaves mãos do zéfiro
que têm martelinhos para uma a uma as percutir
E nós
ora as beijamos
ora nelas os aromas aspiramos
e assim elas parecem faces de donzela ou perfumados pomos


Ruy Belo | "Obra Poética de Ruy Belo" - Vol. 1, pág. 100 | Editorial Presença Lda., 1984