232 online
Clara
Escura
Português
Español
English

Sirlânio Jorge Dias Gomes (R)

Sirlânio Jorge Dias Gomes (R)
Ver Perfil - sirlanio2017
Nasceu a 14 Abril 1972
(Minas Gerais)
Abre a mente ao que eu te revelo e retém bem o que eu te digo, pois não é ciência ouvir sem reter o que se escuta.(Dante Alighieri) Um homem apaixonado por poesia. Tento traduzir os pensamentos na fidelidade que estes me concebem.Não tenho a pretensão de ser poeta,e se por acaso as palavras me metamorfosear em algo parecido,não me culpe;apenas me perdoe.(Sirlânio Jorge Dias Gomes)
85456 visualizações
17 2 2
 

Voracidade


Dedilho o teu corpo Igual as castanholas,
Dançando ao ritmo de tua sensualidade,
Que me encanta com teus sons flamejantes,
Tocando meus ouvidos em luxúria,
Incendiando-me aos movimentos de tua fúria,
Destra lubricidade suave loucura.
Miro os seus quadris alucinantes,
Versando o desejo igual ao vento,
Soprando o amor em minha direção,
Enamorando-me na sutileza da sedução,
Enquanto teus braços me devoram,
Acorrentando minha lucidez perdida.
Tua sede é minha fonte que te sacia,
Essa boca  que suga minha sensibilidade,
Notável ternura avassaladora,
Escravizando-me aos teus contentos,
Algemas da felicidade aos teus sabores.
Nobre senhora dona do meu coração,
Meu destino é o violão que tocas,
Com estas mãos habilidosas de paixão,
Vertendo de mim o que te adoras,
Em todo tempo  de sua brandura,
Certeza do zelo que me devotas.

Sirlânio Jorge Dias Gomes(R)