105 online
Clara
Escura
Português
Español
English

Sirlânio Jorge Dias Gomes (R)

Sirlânio Jorge Dias Gomes (R)
Ver Perfil - sirlanio2017
Nasceu a 14 Abril 1972
(Minas Gerais)
Abre a mente ao que eu te revelo e retém bem o que eu te digo, pois não é ciência ouvir sem reter o que se escuta.(Dante Alighieri) Um homem apaixonado por poesia. Tento traduzir os pensamentos na fidelidade que estes me concebem.Não tenho a pretensão de ser poeta,e se por acaso as palavras me metamorfosear em algo parecido,não me culpe;apenas me perdoe.(Sirlânio Jorge Dias Gomes)
85559 visualizações
17 2 2
 

Abissal


Andejamos ao poente, 
À terra sucumbida, 
Moribunda entre as estações, 
Estranhamente entre os mundos, 
Escabrosa trilha de pedras, 
Homens inabitados, 
Brados moucos, 
Olhares invulgares, 
Perdidos na selva, 
Agudo punhal em sumos. 
Onde estão os campos? 
Reunimos ao redor da fogueira, 
Arruinou-se a carne gélida, 
Mostrai-me as criaturas, 
Escondidas na tempestade, 
Fel incolor entre as bocas, 
Famintas sem beleza. 
As bordas escorregadias do monte, 
Sepulcro dos apáticos, 
Soberanos em seus tumores, 
Chaga de dores verminais, 
Danação dos homens santos, 
Em seus estupores irrequietos.