602 online
Clara
Escura
Português
Español
English

Sirlânio Jorge Dias Gomes (R)

Sirlânio Jorge Dias Gomes (R)
Ver Perfil - sirlanio2017
Nasceu a 14 Abril 1972
(Minas Gerais)
Abre a mente ao que eu te revelo e retém bem o que eu te digo, pois não é ciência ouvir sem reter o que se escuta.(Dante Alighieri) Um homem apaixonado por poesia. Tento traduzir os pensamentos na fidelidade que estes me concebem.Não tenho a pretensão de ser poeta,e se por acaso as palavras me metamorfosear em algo parecido,não me culpe;apenas me perdoe.(Sirlânio Jorge Dias Gomes)
85304 visualizações
17 2 2
 

A fonte


Estas mãos ansiosas, 
Sondam o infinito, 
Vastidão do amor e da dor, 
Beijando o semblante ignoto, 
No voo livre dos pensamentos. 
As asas não são minhas, 
Leve-a e voe sem medo, 
Depois deixe-as ao vento, 
O próximo devaneador, 
Chegue ao seu destino, 
Germine a liberdade. 
Acaso o amor é livre, 
Também suas sementes, 
Pululam onde as desejam, 
Deságuam no incompreensível, 
Nos surpreende ao fim das horas. 
Os pés cansados, 
Delineiam sua marcha, 
Sob o véu da peleja, 
Gotejando a vida irmã da morte, 
Renovando sonhos, 
Venerando o inesperado, 
Seguindo vivendo...