Luís Quintais

Luís Quintais

Luso (actual Luena), Angola
1010
0
0


Alguns Poemas

O estrépito

I
O estrépito que o passado faz.
As palavras gritadas.
A terrível máquina de dizer
e calar.
Tudo gira no nada
e no nada se compraz.
Uma fúria ergue-se
no plasma.
Uma cidade é destruída.
Escuta os muros
que se abatem.
Desenha árvores,
o rápido deslizar de nuvens,
o desenho que a mão faz
quando teme agarrar o sentido,
e o sentido é escuro, escuro.

II
O dia acaba, e com ele
a incerta medida dos teus erros.
Uma lâmina de vento
inicia-se no escuro.
A noite apaga o teu zelo.
O vestígio do ontem
cruza o sítio da memória,
somente atenuado
por outras presenças.

III
O rio escurecia
e depois aclarava e depois escurecia.
As árvores gravitavam nas margens
da tua memória,
faziam correr estilos de morte e promessa.
As personagens do inscrevível
seriam afinal mais monstruosas
do que se suspeitara,
e os insectos emudeciam
enquanto o outono regurgitava as suas vítimas.

E tu, tu? E tu fazias abolir
o sentido para fazer eclodir de novo
o novo sentido. E tu procuravas entre despojos
um aro de bicicleta partido,
um casaco com bolsos que dessem para o improvável,
um qualquer outro achado preso à cega geometria
e à circunstância do procurar.

IV
Atravessas a ponte, lês o jornal, alheias-te
do rio, mas o rio sitia-te
com a sua música de eleição,
a que julgaste escutar,
apesar dos sinais de morte
te encadearem
com a sua luz extrema.
Terás tu ainda a certeza do começo
movendo-se no écran
do primitivo medo
de que não há limite,
fuga, consolo.

V
Animal afeiçoado à metamorfose e à fuga,
o rio muda de cor
e tu anotas o denso espelho
e imaginas a métrica
que o levará à foz.

O rio é o teu deserto
e a palavra
apenas palavra
com que o descreves
a tenda onde o provisório
vem habitar.
Poeta e antropólogo social.

Veio para Portugal em 1975, estudou em Lisboa onde se licenciou em Antropologia pelo Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa (ISCTE) e é professor de Antropologia Social na Universidade de Coimbra. Tem desenvolvido investigação sobre o exercício e as implicações públicas e forenses da psiquiatria. Trabalha actualmente sobre as relações entre arte, ciência e cognição.

Foi colaborador do suplemento juvenil do Diário de Notícias («DN Jovem»), onde têm sido revelados alguns nomes importantes da nova geração literária portuguesa. A sua descoberta como uma das mais importantes vozes poéticas da geração de 90 (tal como foi considerado pelo poeta e crítico Fernando Pinto do Amaral) deu-se no entanto a partir do exterior: tendo visto no jornal o anúncio do prestigiado prémio Aula de Poesía, em Barcelona, Luís Quintais enviou a concurso o original de A Imprecisa Melancolia, que arrebatou o prémio, tendo sido saudado pela crítica do país vizinho como obra de rara justeza poética.

A sua poesia constrói-se em torno da experiência comum, quotidiana, que o poema recupera para o extraordinário através do olhar e da construção vocabular: Luís Quintais parte do princípio, como diz uma outra ficcionista portuguesa contemporânea, de que «não há extraordinário, é o banal que está a mais no nosso olhar.» Poder-se-á considerar isso o olhar do antropólogo aplicado à poesia ou, como o próprio autor diz, a mera constatação de que «a simplicidade não implica vulgaridade, é quando falamos das nossas experiências, do nosso universo, por mais pequenino que ele seja, e o tornamos uma experiência solene, que as coisas se tornam mais singulares e nossas.

A partir daí, podemos ter influências seja de quem for que ganhamos originalidade.»Está representado em diversas antologias de poesia, encontrando-se traduzido em inglês, alemão, castelhano, francês e croata.
Luís Quintais | "A Noite Imóvel"
TDM Entrevista ... Luís Quintais e Diogo Vaz Pinto
Correntes: Luís Quintais
Sítios | Luís Quintais
Luís Quintais
Livro da Semana com Luís Quintais
Luís Quintais reads his poem "Europa" written for the Humboldt Forum Project.
Sexta Sessão Luís Quintais | EM VOZ ALTA OS NOSSOS POETAS
Luís Quintais, "Deus é um lugar ameaçado"
Segunda Sessão Luís Quintais | EM VOZ ALTA OS NOSSOS POETAS
Histórias de Campo #5 | Luís Quintais (CES-UC) | Parte 3
Quinta Sessão Luís Quintais | EM VOZ ALTA OS NOSSOS POETAS
Luis Quintais e Pedro Eiras em Leituras Cruzadas
Quarta Sessão Luís Quintais | EM VOZ ALTA OS NOSSOS POETAS
Primeira Sessão Luís Quintais | EM VOZ ALTA OS NOSSOS POETAS
Luís Quintais vence grande prémio de poesia com obra 'Arrancar penas a um canto de cisne'
Setima Sessão Luís Quintais | EM VOZ ALTA OS NOSSOS POETAS
#onossopoemário «Vigília» de Luís Quintais
Terceira Sessão Luís Quintais | EM VOZ ALTA OS NOSSOS POETAS
EM VOZ ALTA OS NOSSOS POETAS | Luís Quintais, apresentado por Jorge Silva Melo
Oitava e última Sessão Luís Quintais | EM VOZ ALTA OS NOSSOS POETAS
Luís Quintais liest aus seinem jüngsten Gedichtband "A Noite Imóvel", 2021 deutsch bei APHAIA.
Luís Quintais XXIX Colóquio da Sociedade Portuguesa de Psicanálise
Luís Quintais, O Vidro (poesia)
Histórias de Campo #5 | Luís Quintais (CES-UC) | Parte 1
Vinil de Poesia - Luís Quintais e Vasco Gato
Prosa e Verso no Real - Conversa sobre Luís Quintais
Europa - von Luis Quintais - Ohrenweide
Histórias de Campo | Luís Quintais (CES-UC) | Parte 2
O Livro da Semana com Luís Quintais - Rede UC
ARTE E NEUROCIÊNCIA – UMA REFLEXÃO CRÍTICA. Por Luís Quintais
'Les ombres no pertanyen...' de Luís Quintais
Leituras Cruzadas Pedro Eiras Luis Quintais Tomas Quintais 06 12 2014
Leitura do poema "O Vidro" de Luís Quintais por Diogo Dória (17.11.2015)
A proeminência da mão direita de Luís Quintais.
Gabriela Quintais piano prof Pedro e prof Luis
Os Paralamas Do Sucesso - Alagados
ESECTV na RTP2 | Emissão INTEGRAL com LGP [15/3/2019]
Ah, Falemos da Brisa #55
Galos, noites e quintais | Belchior
DVD Fundo de Quintal - Convida (Ao Vivo)
CHAMELEO - Vai Querer (Videoclipe Oficial)
Tribo de Jah - Regueiros guerreiros
5 a seco - síntese - tempo de se amar [OFICIAL]
Alceu Valença • Anunciação • VERSÃO FORROZINHO
Lá em casa . Luiz Caracol (Ao vivo no Namouche)
194 | Casa em L pequena | TERRENO 10X20 | Estilo único.
Do fundo do nosso quintal - Jorge Aragão - Ao vivo 3 (Da noite pro dia)
ESECTV na RTP2 | Emissão INTEGRAL com LGP [31/03/2018]
Quintais Adentro / 26 e 27 de Maio / São Luís, S. Martinho das Amoreiras e Odemira

Quem Gosta

Seguidores